X Encontro de Pesquisadores em Comunicação e Cultura

hj

Foto: Domingos Gonçalves

Hoje, aconteceu a Conferência da Profa. Dra. Priscila Ferreira Perazzo (USCS), no X Encontro de Pesquisadores em Comunicação e Cultura do PPGCC-Uniso. O tema desta apresentação foi Narrativas Orais de História de Vida: uma metodologia para estudos de comunicação e memória. No período da tarde, aconteceram os Grupos de Trabalhos, com 94 trabalhos de diferentes instituições educacionais do país.

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Preparando…

salay

Foto: Felipe Parra

Estamos preparando o material do X Encontro de Pesquisadores em Comunicação e Cultura da Universidade de Sorocaba – Uniso. O evento científico acontece 26 e 27/9 (segunda e terça-feira). Participe!

+ infohttp://www.uniso.br/hs/x-epecom/

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Bienal de Artes de São Paulo

bienal

Dia 24/9, sábado, a partir das 10h, faremos uma visita à 32. Bienal de Artes de São Paulo, no Parque Ibirapuera. O tema desta edição é: incerteza viva. Nesta atividade cultural, será uma oportunidade para se ter contato com obras contemporâneas do Brasil e do exterior. Participe!

+ info: http://www.bienal.org.br/

Posted in Uncategorized | Leave a comment

X Encontro de Pesquisadores em Comunicação e Cultura

interno

Estamos finalizando a preparação do X Encontro de Pesquisadores em Comunicação e Cultura do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura da Universidade de Sorocaba (Uniso), que acontecerá nos dias 26 e 27 de setembro. O tema previsto desta edição é: Hibridações: mídias, territórios e identidades.  Neste evento, teremos palestras e 13 Grupos de Trabalhos (GTs), com 94 comunicações e mais de 120 participantes. Receberemos pesquisadores/as de diferentes regiões e estados brasileiros: Acre, Bahia, Minas Gerais, Pará, Rio de Janeiro, São Paulo, entre outros. Também, acontecerá o I Simpósio Internacional em Comunicação e Cultura. Aproveitando a oportunidade, estamos comemorando 10 anos do nosso PPGCC-Uniso.

Participe, faça sua inscrição: http://www.uniso.br/hs/x-epecom/

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Aniversário da Uniso

baloo     Hoje (15/9) é aniversário da Uniso. Parabéns!!!

São 22 anos comemorados com alunos/as, professores/as, pesquisadores/as, funcionários/as, coordenadores/as.

22a

Foto: Bianca Farias da Silva

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Intercom 2016

Resultado de imagem para intercom 2016

De 5 a 9/9, acontecerá o XXXIX Congresso da Intercom 2016 na ECA-USP, em São Paulo. O link com todos os trabalhos está disponível em: http://www.portalintercom.org.br/uploads/wysiwyg/programacao-gps-2016.pdf

O PPGCC-Uniso terá a seguinte participação:

GP COMUNICAÇÃO E EDUCAÇÃO

Coordenação: Eliana Nagamini (FCL e FATECSP) 7/09/2016 – 4ª feira 9h às 13h Sessão 1: A comunicação no processo educacional I Coordenação: Luci Ferraz de Mello (USP) Local: Centro de Difusão do Conhecimento/ CDI, Bloco A sala 09, 3º andar

O potencial do diagrama para a cognição na perspectiva de aprendizes

Henri Marcos Esgalha Castelli (UNISO); Maria Ogécia Drigo (UNISO)

Este artigo, derivado de pesquisa realizada no mestrado, sobre formatos diagramáticos para conteúdo de ensino formal, tem como propósito aprofundar reflexões sobre o potencial dessa modalidade de apresentação e representação de conteúdo, para a cognição, a partir da perspectiva dos aprendizes. Para tanto, apresentamos os dados sistematizados, coletados com a aplicação de dois instrumentos – um questionário e uma descrição dos alunos (texto verbal) sobre a experiência envolvendo a aplicação do conteúdo sob a forma diagramática (mapa conceitual), seguidos de reflexões, a partir dos resultados, fundamentadas na semiótica ou lógica peirciana. A importância deste artigo está na ênfase dada à linguagem como mediadora entre comunicação e educação.

GP PUBLICIDADE E PROPAGANDA

– 08/09 (quinta-feira) / 14h às 18h;

– Divisão temática 2: Publicidade e Propaganda;

– Sessão 6: Choros Publicidade: envelhecimento e mídias;

– Mesa 11 – Coordenação: Maria Ogécia Drigo – Uniso;

Possibilidades de ressignificação da velhice pela Publicidade.

Bruno Antonio da Silva Martins e Maria Ogécia Drigo

Com o objetivo de refletir sobre as possibilidades de ressignificação da velhice, a partir de uma nova sistematização de resultados de análises de peças publicitárias, apresentadas em pesquisa desenvolvida no mestrado, estabelecemos então como nova categoria de análise, os valores relativos à velhice engendrados nessas peças. A importância deste artigo está em relativizar o papel das marcas e da publicidade no processo de construção de uma nova modalidade de consumidores, constituídas pelos idosos, ao sugerir que estas, as marcas e a publicidade, contribuem para a reconstrução de relações sociais, no caso, envolvendo este período da vida.

GP: FOLKCOMUNICAÇÃO, MÍDIA E INTERCULTURALIDADE

Data: 7/09/2016 – 4ª feira 14h às 18h

Local: Centro de Difusão Internacional/ CDI, Bloco B sala 03, 3º andar

Sessão 2: Manifestações culturais e práticas de (folk)comunicação

Coordenadora: Karina Janz Woitowicz (UEPG)

Alteridade e Antropofagia na Música da Funkeira MC Véia: Um Processo Folkcomunicacional

Míriam Cristina Carlos Silva e Thífani Postali

O artigo discute o fenômeno midiático “MC Véia”, que se transformou a partir do contato com o funk carioca. Leda Maria Soares Ferreira, a “MC Véia”, tem uma história marcada por perdas de afeto e de identidade, quando teve que se mudar para um bairro periférico do Rio de Janeiro e se adaptar ao novo meio, criando laços afetivos, transformando-se a partir da cultura local por meio do funk. Para explicarmos essa transformação e produção cultural, apoiamo-nos na teoria da folkcomunicação e considerações da Escola de Chicago, além dos conceitos de antropofagia, com Oswald de Andrade, e hibridação cultural, com Néstor Canclini. Como metodologia, utilizamos a pesquisa bibliográfica e exploratória, a avaliação de matérias em revistas e sites, entrevistas cedidas por Leda Maria à mídia e a este trabalho, além de análise de sua página no Facebook.

GP: FOLKCOMUNICAÇÃO, MÍDIA E INTERCULTURALIDADE

Data: 7/09/2016 – 4ª feira 14h às 18h

Local: Centro de Difusão Internacional/ CDI, Bloco B sala 03, 3º andar

Sessão 2: Manifestações culturais e práticas de (folk)comunicação

Coordenadora: Karina Janz Woitowicz (UEPG)

Processos interculturais em Baby do Brasil – caminhos para compreender o trânsito da cantora entre o gospel e o secular

Isabella Reis Pichiguelli

Esse artigo tem como objetivo compreender de que modo se dá a mistura de elementos distintos na incorporação que a cantora Baby do Brasil faz de linguagens e práticas da música gospel em seus shows ao retornar à música secular – assim chamada pela maioria dos que são evangélicos no Brasil –interpretando canções de sua carreira com os Novos Baianos e da fase solo, em um processo intercultural. Com base nos conceitos de dialogismo, de Mikhail Bakhtin, e de semiosfera, de Iuri M. Lotman, a pesquisa sugere que uma série de fatores encontrados ao redor do universo da cantora ou na própria história de vida da artista, textos externos e subtextos, permitem a mescla que Baby faz de ambientesculturais desde muito separados pelos muros da doutrina evangélica e do mercado musical.

GP COMUNICAÇÃO, MÍDIAS E LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Data: 9/09/2016 – 6ª feira 11h às 13h

Local: Local: Centro de Difusão Internacional/ CDI, Bloco B sala 05, 2º andar

Sessão 5: Artes e resistências

Coordenação: Andrea Limberto; Barbara Heller

Watterson e os mecanismos de defesa a uma Cultura do Consumo – Arte e Resistência em Calvin e Haroldo.

Rafael Sampei da Silva e Miriam C. C. Silva

Este trabalho pretende discutir o conceito de aparelho de Vilém Flusser, no âmbito das Histórias em Quadrinhos, publicadas através dos Syndicates, empresas responsáveis pela distribuição e agenciamento de quadrinistas. Levantaremos, através da obra de Bill Watterson, uma discussão sobre a inferência dos Syndicates no processo criativo do artista, que lutou durante os dez anos de publicação das tiras entituladas “Calvin e Haroldo” para que sua obra fosse reconhecida e apreciada como produto de características artísticas. Através da semiótica da cultura pretendemos lançar uma discussão sobre os processos que levaram Watterson a obter sucesso nessa empreitada.

GP COMUNICAÇÃO E ESPORTE

Data: 9/09/2016 9h às 13h

Sessão 5: Comunicação e Esporte no contexto social e no universo das organizações

Coordenação: Edison Gastaldo (Centro de Estudos de Pessoal – Forte Duque de Caxias) Local: Centro de Difusão do Conhecimento/ CDI, Bloco A sala 14, 4º andar

Dos Discursos do “Futebol Moderno” às Práticas de Resistência das Torcidas Organizadas: Estetização, Subjetividade e Espetáculo

Tarcyanie Cajueiro Santos (Uniso) e Felipe Tavares Paes Lopes (Uniso)

Este artigo objetiva refletir sobre a conjuntura do futebol no Brasil a partir do discurso do futebol moderno e das torcidas organizadas, enquanto movimento contrário e antagônico a esse discurso. O referencial teórico é derivado do pensamento de autores de tradição marxista que trabalham com a noção de estetização da mercadoria, notadamente Guy Debord e Jean Baudrillard. A partir das noções de espetáculo, de Guy Debord e valor de signo de Jean Baudrillard, procuramos refletir sobre a relação entre o discurso do futebol moderno e as torcidas organizadas, produtoras de subjetividades. A teoria crítica compartilhada por esses autores lança luz a compreensão deste fenômeno, nos ajudando a entender a inserção deste esporte nas sociedades de consumo.

GP FICÇÃO SERIADA

7/09/2016 – 4ª feira 14h às 18h

Sessão 2: Ficção e Identidades: Gênero, Classe e Raça

Coordenação: Profa. Dra. Fernanda Castilho (USP)

Local: ECA, Prédio 1 sala ADM-205 – 2º andar

As relações de gênero na telenovela “Império”

Georgia de Mattos (UNISO); Tarcyanie Cajueiro Santos (UNISO)

O artigo procura entender como a telenovela “Império” da Rede Globo representou as relações de gênero a partir da personagem Xana. A análise está embasada nos estudos da Teoria Queer, que entende o sujeito, gênero e identidade como constructos culturais e não como oposição binária e biologicamente natural. Concluímos que a telenovela propôs uma provocação para se pensar num indivíduo que não prescinde de definição e formulações de padrões como feminino/masculino, ou ainda homossexual. Também expôs uma nova configuração familiar, vista pela sociedade com rejeição e estranhamento, mas que se mostrou adequada para o contexto dos personagens; revelando, assim, que os relacionamentos são forjados dentro de uma hegemonia cultural.

Coordenador: Alexandre Rocha da Silva (UFRGS)

Vice-coordenador: Fábio Sadao Nakagawa (UFBA)

08/09/2016 – 5ª feira

14h às 16h10

GP COMUNICAÇÃO E SEMIÓTICA

Sessão Semiótica e cibercultura

Coordenação: Irene de Araújo Machado

Local: Centro de Difusão Internacional/ CDI, Bloco B sala 02, 3º andar

Signos rebeldes: uma análise da vinheta dos vídeos do anonymous

Antonio José de Souza (Uniso)

Este artigo, recorte de dissertação em desenvolvimento, traz como foco a vinheta de abertura dos vídeos do grupo ciberativista Anonymous. O objetivo é compreender o potencial desse signo de gerar sentidos. Para compor o quadro teórico, um estudo sobre a violência sob o ponto de vista do filósofo Slavoj Žižek será o ponto de partida; a abordagem de Michel Maffesoli sobre o tribalismo e a importância da imagem para os grupos sociais também é requisitada. Para análise da vinheta, a metodologia tem amparo na semiótica peirceana; tal escolha se justifica pela possibilidade oferecida por essa teoria de aprofundamento nas camadas de sentido das representações. A relevância deste trabalho em consonância com a contemporaneidade está em propor reflexões sobre o potencial de sentidos advindos da representação desses grupos nascidos nas redes virtuais, o Anonymous em destaque.

GP TEORIA DO JORNALISMO

Coordenação: Leonel Azevedo de Aguiar (PUC-Rio)

Coordenação adjunta: Monica Martinez (Uniso)

07/ 09 – 4ª feira – 11h às 13h

Sessão1

Coordenação: Leonel Azevedo de Aguiar (PUC-Rio)

Local: ECA, Prédio 1 sala CCA-211/ 2º andar

Uma análise de conteúdo sobre as Teorias do Jornalismo que envolveram as narrativas na Intercom 2015.

Tadeu Rodrigues Iuama (Uniso)

O presente estudo objetiva traçar um mapeamento das discussões envolvendo narrativas no GT Teoria do Jornalismo da Intercom 2015. Utilizando-se como aporte metodológico a análise de conteúdo, na perpspectiva da socióloga francesa Laurence Bardin e dos comunicólogos brasileiros Monica Martinez e Arquimedes Pessoni, adotando para a interpretação dos dados uma postura compreensiva, na visão de Dimas Künsch. Como unidades de análise, optou-se pela autoria dos trabalhos, as demais palavras-chave e os referenciais teóricos utilizando. Como resultados, nota-se uma predominância de trabalhos de Doutores, vinculados à instituições da região Sudeste, com um quadro de referenciais envolvendo Luiz Motta, Cremilda Medina, Felipe Pena, Robert Darnton e Adelmo Genro Filho.

07/ 09 – 4ª feira

14h às 18h

Sessão 2

Coordenação: Monica Martinez (Uniso)

Local: ECA, Prédio 1 sala CCA-211/ 2º andar

Mesa 1

Jornalismo Literário no século 21: reflexões sobre conceitos, história e redes de pesquisas

Monica Martinez (Uniso)

Este trabalho tem como objetivo sintetizar reflexões desenvolvidas pela autora nos últimos 25 anos sobre o tema do Jornalismo Literário. Pondera sobre raízes históricas, definições, práticas e processos. A principal conclusão é a de felizmente se tratar de um campo em construção, cuja riqueza é a pluralidade de vozes. Aponta-se para a necessidade da criação de três pontes. A primeira com outras áreas do conhecimento, como a Sociologia, Antropologia e Psicologia, uma vez que o tratamento aprofundado de um texto nesta modalidade pede aportes metodológicos e epistemológicos amplos e consistentes. A segunda é a formação de redes de pesquisadores, uma vez que já há um volume considerável de pesquisas desenvolvidas. Finalmente, a terceira ponte seria com a comunidade internacional de pesquisadores do campo, com o objetivo de dar visibilidade aos estudos nacionais.

09/09/16, 6ª feira – 9h às 12h

Sessão 5 – Fotografia, memória e imaginário social

Coordenador: Paulo Cesar Boni

Debatedor: Wagner Souza e Silva

Local: ECA, Prédio 1 sala ADM-202 – 2º andar

Narrativas fotojornalísticas: mapeamento dos textos apresentados entre 2010 e 2014 nos eventos científicos da Compós, da Intercom e da SBPJor

Diogo Azoubel (Uniso)

A terceira parte da pesquisa sobre como o fotojornalismo tem sido pensado nas pesquisas circuladas em eventos científicos da Comunicação tupiniquim conserva o uso dos métodos de abordagem dialético e de procedimento comparativo, monográfico e estatístico. Os resultados confirmam parcialmente a hipótese de que Kossoy, Sousa e Barthes seriam alicerces para a produção nacional sobre o tema. Sontag, apesar de não compor a lista inicial, é citada em todos os eventos. Nos eventos da Intercom, especialmente os nacionais, há maior número de referências ligadas especificamente à fotografia e ao fotojornalismo. Sobre o uso da revisão bibliográfica como técnica de pesquisa, os mesmos autores/ideias vêm sendo envergados. Dos 63 textos analisados, pouco mais de 30% contam com números iguais de obras citadas e listadas sem autoreferências e 57% contêm números díspares de obras citadas e listadas.

Publicom

5 de setembro, das 19h30 às 20h30

Lançamento do livro

05 de Setembro

Lançamento dos Livros

Local: CDI – USP

Monica Martinez, Tradição e Inovação em Jornalismo Literário (INSULAR)

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Reunião do MidCiD

Slide1

Ontem (29/8), no auditório do Bloco F, das 13 às 15h, aconteceu a primeira reunião semestral do MidCiD – Grupo de Pesquisa de Mídia, Cidade e Práticas Socioculturais do PPGCC-Uniso. O Prof. Dr. Paulo Celso da Silva (Líder do GP) apresentou seu atual projeto de pesquisa que envolve resiliência e smart cities e mídia. Entre os presentes, alunos/as, pesquisdores/as e professores/as, foi possível debater as diferentes possibilidades de se considerar estratégias de adaptações (resilientes) da vida contemporânea, inclusive mediante aspectos econômicos, identitários, socioculturais e/ou políticas.

Os próximos encontros acontecem: 19/0917/10; 21/11; e 12/12. Venha participar!!!

Posted in Uncategorized | Leave a comment